k [GRIFO NOSSO] - Recortes do Moura - UOL Blog

[GRIFO NOSSO] - Recortes do Moura


Sábado , 26 de Agosto de 2006


TVzona Eleitoral

- Eliane Cunha — candidata ao governo que uma amiga maldosa chama de ‘Barbie’ só porque ela é loura de cabelos longos e tem várias blusas do mesmo modelo, em diferentes cores berrantes — contou na TV: “Minha mãe me ensinou que dignidade e honestidade não são adjetivos, mas, sim, obrigações”. Na boa: quem disse que são adjetivos?
 
- Se o forrozeiro pop Frank Aguiar é candidato a deputado em São Paulo, nós temos Suelen Country, do PTdoB. Seguuuura...
 

Pedro Landim
O DIA On-Line - 26 ago. 2006 - 00:10:00

 

Escrito por Moura às 13:00
[ ] [ envie esta mensagem ]

Sexta-feira , 25 de Agosto de 2006


Filhote de pombo

 

A rotina estafante dos novos cabos eleitorais

 

"Trabalho bom, hein?" A provocação já entrou na rotina de um grupo de cabos eleitorais que ganha a vida segurando ou tomando conta de placas de candidatos na subida da Ponte Rio-Niterói. Tudo porque arrumaram um sofá para descansar durante o dia de trabalho, que, para alguns, é de nove horas.

 

- As pessoas passam aqui e soltam a piadinha. Mas é melhor isso do que nada. Está todo mundo desempregado - diz uma das mulheres do grupo, que prefere não se identificar com medo de perder o emprego.

 

Emprego, sim, porque, segundo a Delegacia Regional do Trabalho, trata-se de uma atividade que também deve ser registrada na carteira de trabalho.

 

- Existe uma relação de emprego, que não caracteriza trabalho temporário, autônomo e muitos menos voluntário. Mesmo que por um prazo determinado, o político deve assinar a carteira - esclarece Guilherme Moreira, chefe da seção de fiscalização da DRT no Rio.

 

A multa por empregado não-registrado é de cerca de 400 Ufirs. Mas, para este grupo que trabalha na Ponte, carteira assinada também soa como provocação. A maioria recebe, em média, R$10 por dia, com intervalo de uma hora para almoço, não-incluído...

 

Rodrigo March. Rio de Janeiro, O GLOBO, 25 ago. 2006, grifo nosso.

 

* * * * * * * * * * * * * * *
 
 
Cabeça de bacalhau, filhote de pombo e enterro de anão: todo mundo sabe que existe, mas ninguém nunca viu - diz o ditado. Da mesma forma, eu nunca vi cabo eleitoral com carteira assinada. Mas será que existe?

 

Escrito por Moura às 08:57
[ ] [ envie esta mensagem ]

Quinta-feira , 24 de Agosto de 2006


Mãos sujas

A "merda" melódica

 

Quatro anos e o PT só quer puxar carro forte. O jantar de Gilberto Gil e 80 "artistas" com Lula, no Rio, acabou em barraco, como final de baile funk. Chutaram o balde da ética. No "Globo", Paula Autran contou o segundo ato:

 

"Ao deixar a casa do ministro, o compositor Wagner Tiso disse:

 

`Eu não estou preocupado com isso (a ética do PT). Estou preocupado com o jogo do poder. Não estou preocupado com ética do PT ou com qualquer tipo de ética. Para mim, isso não interessa. Eu acho que o PT fez um jogo que tem que fazer para governar o País. Entendeu? Eu me sinto eufórico com os resultados do governo Lula. Estou indignado é com os indignados'!"

 

Para o diretor Augusto Boal, "nunca houve um governo tão atento à ética". Outro petista de carteirinha, tucano reconvertido, o ator Paulo Betti:

 

"Política não existe sem mãos sujas. Não dá para fazer política sem botar a mão na merda".

 

Sebastião Nery. Rio de Janeiro, Tribuna da Imprensa, 25 ago. 2006, grifo nosso.

 

* * * * * * * * * * * * * * *

 

Destaquei a afirmativa do Betti propositalmente. Dona Ética, desprezada, ficou magoada.

 

Escrito por Moura às 23:29
[ ] [ envie esta mensagem ]

A Fama e a Política

 

Não é de hoje que celebridades do cinema, da TV e da música dão um tempo em suas carreiras para se aventurarem no mundo da política. Com o apoio da grande exposição na mídia, muitos deles se elegem facilmente, mas outros acabam morrendo na praia. A seguir, você confere alguns exemplos de quem chegou lá e de quem ficou pelo meio do caminho.

 

Ronald Reagan: O ator de Hollywood elegeu-se presidente dos Estados Unidos em 1981.

Frank Aguiar: O forrozeiro piauiense tem grandes pretensões: é candidato a deputado federal por São Paulo.

Clint Eastwood: O diretor do consagrado Menina de Ouro e de outros sucessos do cinema deu um tempo na carreira para ser prefeito da pequena cidade de Carmel, nos EUA, entre 86 e 88.

  

Sidney Magal: Boatos davam como certa a candidatura do cantor a vereador por Fortaleza nas eleições passadas, mas acabou não acontecendo.

Soninha Francine: A ex-VJ da MTV e atual apresentadora da ESPN Brasil conseguiu uma vaga na Câmara dos vereadores de São Paulo nas últimas eleições. Desta vez, é candidata a deputada federal pelo PT.

Clodovil: O ex-estilista/ex-apresentador quase teve sua candidatura impugnada, porém, está firme e forte tentando uma vaga de deputado federal. 

Agnaldo Timóteo:  Chegou a se candidatar a governador do Rio de Janeiro, mas perdeu. Em 1996, conseguiu se eleger vereador pela primeira vez.

Paulo Ricardo: Chegou a anunciar que seria candidato pelo PFL, mas pulou fora antes que afundasse ainda mais a sua carreira.

O Povo, Fortaleza, 22 ago. 2006. Página OK - 01:41

 

Escrito por Moura às 19:13
[ ] [ envie esta mensagem ]

Quarta-feira , 23 de Agosto de 2006


TVzona eleitoral

 

- O candidato Claudeci, do PMDB, deve ser parente de Seu Creysson. Depois de anunciar que "Saúde e Educação sempre foi (sic) prioridade", ele pronuncia seu nome em alto e bom som: "Craudeci!".
 
- Mas a figuraça do dia é Mazaropi da Carroça, do PT: "Anota meu nome num papel", recomenda, com sotaque de caipira de programa humorístico.
 
- Ontem foi o Dia do Folclore, que não deixa de ser também uma homenagem à propaganda eleitoral. Sendo assim, com todo o respeito aos políticos honestos, nossos parabéns atrasados, mas sinceros ao saci, ao curupira e à mula-sem-cabeça.

 

Pedro Landim
O DIA On-Line - 23 ago. 2006 - 00:35:00

 

* * * * * * * * * * * * * * *

 

Esse Mazaropi eu mesmo vi. Que figura!

 

Escrito por Moura às 21:48
[ ] [ envie esta mensagem ]

O Lula de ontem

  

- "Presidente que foge de debate mostra que prefere ficar escondido atrás de publicidade paga com o dinheiro do povo, em vez de ir para o ringue lutar em igualdade de condições".

 

Oito anos depois, o Lula reciclado esqueceu o que disse.

 

Escrito por Moura às 21:20
[ ] [ envie esta mensagem ]

Lula e Gegê

 

Do presidente Lula, na "segunda-feira à noite, em um jantar com artistas, ao comentar as denúncias contra o governo, disse: 'Fidel Castro escreveu que a história um dia o absolverá. Eu não vou precisar da história. O povo vai me absolver agora'" (Sandro Lima e Gustavo Krieger. Correio Braziliense, 23 ago. 2006, grifo nosso).

 

* * * * * * * * * * * * * * *

 

Aliás, o lema da campanha do presidente à reeleição, "Lula de novo, com a força do povo!", não lembra a frase "Voltei ao governo nos braços do povo", da carta-testamento de Getúlio Vargas?
 
Lula adora parecer com Getúlio. Veja a foto do "pai dos pobres", de 1952 - um ano antes dele mesmo promulgar a lei de criação da Petrobras -, e foto do atual presidente, em abril do presente ano, ao anunciar a auto-suficiência do Brasil na produção do  petróleo.

 


Escrito por Moura às 09:36
[ ] [ envie esta mensagem ]

Terça-feira , 22 de Agosto de 2006


Tvzona eleitoral

 

O Horário Eleitoral pode ser engraçado. Esse eu mesmo vi:

 

* * * * * * * * * * * * * * *  

 
- Depois do restaurante, do remédio e do hotel, os desfavorecidos já podem descansar em paz. O candidato a deputado estadual Diano (PAN) promete o velório a R$ 1.


Pedro Landim
O DIA On-Line - 22 ago. 2006 - 00:49:00

 

Escrito por Moura às 11:31
[ ] [ envie esta mensagem ]

"Do senador Sibá Machado (PT-AC), ontem, da tribuna:


- A Revolução Industrial foi isto. Com a descoberta da navegação, os europeus se espalharam pelo mundo, dominaram povos, arrebentaram culturas, aprisionaram, escravizaram..."

 

Ancelmo Gois. O GLOBO, 22 ago. 2006. [grifo nosso].

 

* * * * * * * * * * * * * *

 

Não é gafe de vestibulando. Foi um senador mesmo.

 

Dona História ficou ofendidíssima, mas ainda orou na intenção do senador:

 

- Pai, perdoai-o, ele não sabe o que diz.

 

Escrito por Moura às 11:03
[ ] [ envie esta mensagem ]

Segunda-feira , 21 de Agosto de 2006


No Rio é assim

Cena carioca

 

Vida de candidato não é fácil. Denise Frossard, candidata ao governo do Rio, cumprimentava eleitores freneticamente ontem no Aterro do Flamengo quando, aperto de mão aqui, beijo ali...


"Deputada, eu sou sua assessora", disse uma mocinha, sem graça, ao ser cumprimentada. E Denise: "Ih, é! Desculpe"...

 

 

Não pegou

 

O vagão feminino dos trens da Supervia, no Rio, tem sido invadido dia sim outro também por homens.


Fiscais da concessionária, quando a mulherada chia, dizem que não podem fazer nada.


Ancelmo Gois. O GLOBO, 21 ago. 2006. [grifo nosso].

 

Escrito por Moura às 09:31
[ ] [ envie esta mensagem ]

Nilópolis é pop

Muro desaba e atinge casas em Nilópolis

 

Um muro de cerca de 10 metros de altura desabou sobre cinco casas na Rua Julio Chambarelli, próximo ao número 1555 da Avenida Mirandela, no centro de Nilópolis. O muro foi erguido em abril deste ano e fazia parte de um galpão em construção. O técnico de telefonia celular Leonardo Rodrigo Silva da Graça, 26 anos, estava trabalhando no computador em um dos quartos do número 26 pouco antes de o muro desabar. "Minha mãe parece que adivinhou. Quando começou a chover, ela disse para eu sair dali. Pouco depois, o muro caiu", conta.

 

Os moradores dizem que reclamaram a falta de uma estrutura de sustentação para o muro com os donos da obra, mas nada foi feito. Segundo Leonardo, parte do muro desabou há 15 dias, sem atingir as casas.

 

O DIA On-line - 20 ago. 2006 / 19:36:00

 

 

Polícia encontra homem morto a tiros em Nilópolis

 

Rio - Um homem ainda não identificado foi assassinado a tiros na Rua Getúlio de Moura, no município de Nilópolis, na Baixada Fluminense, na noite deste domingo. Policiais do 20º BPM (Mesquita) foram acionados, mas não encontraram testemunhas. O registro foi feito na 57ª DP (Nilópolis).

 

Celso Brito. O DIA On-line, 21 ago. 2006 / 08:51:00

 

Escrito por Moura às 09:26
[ ] [ envie esta mensagem ]

Domingo , 20 de Agosto de 2006


Pai generoso

Políticos tentam explicar o enriquecimento


"Empréstimo, doação, erro de assessores ou sorte. Com essas explicações, os deputados tentam justificar o alto crescimento do patrimônio nos últimos quatro anos de mandato. A maioria afirma que o aumento é compatível com seus rendimentos. [...]
 

[...] O deputado Ricardo Abrão (PP) informou que recebeu, em 2003, R$ 423 mil de seu pai, o prefeito de Nilópolis, Farid Abraão:

 

— Além disso, sempre tive negócios fora da política, como um posto de gasolina.

 

[...] Alessandro Calazans (PMN) disse que não falaria sobre o aumento de seu patrimônio [grifos nossos]".


Fonte: O GLOBO,  23 jul. 2006.

 

Escrito por Moura às 10:44
[ ] [ envie esta mensagem ]



DEIXE SEU COMENTÁRIO


Visitante Número

Google
GRIFO NOSSO

Web

Perfil

Meu perfil
BRASIL, Homem, de 26 a 35 anos

Histórico

Outros Sites







JORNAIS DE HOJE










Blog do Ancelmo Gois Papo de Pão-duro GRIFO NOSSO - Os recortes do Moura


KR7 Sr. Hype Tiopunk.com GRIFO NOSSO - Os recortes do Moura





eXTReMe Tracker